TECIDO URBANO

Fernanda Fedrizzi

2021

Tecido urbano foi selecionado e premiado no edital da ação curatorial e exposição “Mulheres no acervo do MALG” que propunha a criação de um trabalho que surgisse como resposta a produção de artistas mulheres no acerto do Museu de Arte Leopoldo Gotuzzo, em Pelotas/RS. Ao entrar em contato com o trabalho “Referências internas”, de Sonia Moeller, imediatamente conectei a imagem aos mapas axiais que são criados para medir a interação local e global de uma cidade por meio de suas conexões viárias. Tecido urbano é uma fotografia da sola do meu pé. A pele humana é repleta de mapas axiais que representam nossas interações locais e globais com aquilo que nos tece, atravessa e modifica, nossas referências. A topofagia ocorrendo no invólucro do eu.

FFLL Tecido urbano 2020001-.jpg

 

TECIDO URBANO

2021 - Porto Alegre/RS

fotografia digital